Search is not a solved problem

Esse vídeo me fez lembrar quando decidi montar um algoritmo de recomendação de músicas/artistas/tags para o Last.fm a 2 anos atrás.

Ao invés de basear as recomendações apenas no relacionamento entre músicas, artistas e tags, achei que poderia obter resultados mais relevantes se também utilizasse dados das minhas conexões mais próximas.

Consegui encontrar bandas, músicas e até estilos (o metal possui muuuuitas variações rs) que estavam mais de acordo com o meu gosto musical e que fugiam mais à obviedade.

Acho que o caminho é esse, mesclar diferentes dimensões: relevância de conteúdo, relevância dentro da minha rede, relevância dentro do tempo (o que é tendência neste momento?), etc.

Enfim, a apresentação da Hilary é muito interessante. Vale à pena conferir!

Anúncios

Tags:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: